Você conhece os efeitos da sibutramina? Inicialmente ela foi comercializada para depressão, pois age no hipotálamo cerebral, auxiliando na melhor captação de serotonina – hormônio que dá a sensação de felicidade. Ao decorrer do tempo, notaram sua grande capacidade de proporcionar maior sensação de saciedade e diminuição de apetite.

Hoje em dia é muito utilizada em redução de peso, pois o problema tende a vir acompanhado de depressão também. É indicada em casos de:

  • Pacientes com obesidade grau 1.
  • Pessoas com índice de IMC acima de 30 kg/m2 ou 27m2 se houver outros fatores de risco como a hipertensão ou diabetes, principalmente a diabetes mellitus tipo 2.
  • Perda de peso clinicamente indicada.
  • Sobrepeso com risco de desenvolvimento de doenças crônicas como a diabetes.

O mínimo de peso perdido é 2kg por mês, mas alguns paciente já relataram ter perdido 6 kg em apenas 4 semanas. Mas caso você não tenha perdido os dois kg mínimos, é necessário retornar ao médico para nova consulta e averiguar a possibilidade de aumentar a dose, sem trazer problemas prejudicais à sua saúde.

sibutramina

Seu uso seguro é de 48 meses, portanto os paciente não devem tomar o medicamento por um período mais longo que isso, seja por causa de depressão ou obesidade.

Se o intuito de tomar o medicamento é emagrecer, associe-o à uma dieta saudável e reeducação alimentar. O tratamento se inicia com um comprimido por dia e caso haja esquecimentos, a dose pode ser tomada em outro horário sem maiores problemas.

O remédio auxilia muito a reeducação alimentar, pois a saciedade facilita a mudança de cardápio e o seu efeito antidepressivo, controla a ansiedade em fazer lanches descontrolados fora da hora e auxilia a manter uma mente saudável durante todo o tratamento.